Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘ecologia’

A pergunta que não quer calar. Não adianta falar, falar, falar, e não colocar em prática nossos discursos. Dito isso, aproveitamos o tema – a conjuntura ambiental hoje – debatido no segundo dia de FSM 2010, para perguntar  aos participantes do evento, como eles cuidam do meio ambiente. Vejam as respostas…

 

Bárbara Mengardo, paulista e estudante de jornalismo, disse que não tem carro e usa transporte público. Ela ainda colabora na reciclagem do lixo do seu prédio, conscientizando as pessoas.

“Eu faço coleta seletiva na minha casa e, também, dentro do meu bairro, eu incentivo meus vizinhos. Trabalho com as crianças, meus alunos, fazendo as lixeiras especiais para reciclagem. Na minha casa, economizo água, não deixo a torneira aberta, quando estou escovando os dentes, etc”, afirmou o professor Lucas Bohrer Waltzer de Porto Alegre.

 

A colombiana Yolis Castro nao atira lixo nas ruas e nao desperdiça água. Além disso, a estudante propaga a educacao ambiental, ensinando as pessoas ao seu redor.

E você, o que faz no seu dia-a-dia para preservar o meio ambiente? Dê a sua opinião nos comentários e aproveite para responder a enquete, é de múltipla escolha:

Hoje pela manhã no FSM 2010 a questão ambiental foi um dos principais temas do debate. Estiveram presentes na usina do gasômetro Nicola Bullard (Focus on the Global South) da Tailândia, Roberto Espinoza (Fórum Crise de Civilização – Peru), Gilmar Mauro (MST – Brasil), Isaura Conti (MMC – Brasil) e Hildebrando Galeano (Amigos de la Tierra – Colômbia). A coordenação ficou por conta do professor da Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo (USP), Moacir Gadotti.

Roberto Espinoza destacou a resistência dos povos indígenas do Peru e lamentou que o conceito de desenvolvimento sustentável ainda esteja longe de ser compreendido pelas grandes empresas.

Isaura Conti salientou a importância do Movimento Mulheres Camponesas em relação a sustentabilidade ambiental. Ela alertou para o problema da degradação das florestas. Gilmar Mauro encerrou o debate afrimando que “a crise ambiental é a grande crise da atual civilização”.

 

Roberto Espinoza palestrando e demais especialistas da mesa Conjuntura Ambiental Hoje, FSM 2010. Foto: Carolina Castro, RO.

 

 

 

 

 

 

 

Anúncios

Read Full Post »

Coruja buraqueira fêmea protegendo seus filhotes na orla de Capão da Canoa. Foto: Carolina Castro, RO.

Por Carolina Castro

Como gosto muito de registrar imagens de animais, aproveitei minha estada em Capão da Canoa para fotografar algumas aves nativas do litoral norte do RS. Entre elas, as famosas corujas buraqueiras, conhecidas por construírem seus ninhos nos buracos cavados nas dunas.

No Réveillon de 2007, uma família de corujas ficou famosa. Os veranistas de Capão da Canoa manifestaram-se  indignados solicitando ao 1º Batalhao Ambiental da Brigada Militar o cancelamento do show de fogos que seria realizado perto do ninho dessas aves. A prefeitura daquela época ficou desapontada com a proibição do show pirotécnico que acontecia no mesmo local há pelo menos 5 anos.

Fiquei surpresa quando li que a prefeitura atual de Capão da Canoa pretende construir uma estátua de 10 metros na Avenida Beira-Mar e ainda espalhar 12 réplicas reduzidas pela cidade, já que as corujas se tornaram símbolo do município. Nova polêmica gerada em torno das corujas. O 1º Batalhão Ambiental da BM demonstra bom senso ao informar que existem medidas mais importantes a serem tomadas, como a educação ambiental. Aquele ninho de corujas, protegido pelas faixas de segurança, não é o único da orla.  As corujas buraqueiras enfrentam problemas em outros bairros mais afastados do centro, onde o lixo na areia, juntamente com a falta de respeito com os animais, as impedem de fazer ninhos. Existe também outro problema sério: os cachorros e gatos sem donos, perdidos nesses bairros longínquos. Eles atrapalham a vida das corujas e de muitas outras aves nativas que vivem no chão.

A verba de 20 mil reais que a prefeitura deseja utilizar para construir as estátuas poderia ser usada de uma forma muito mais proveitosa, tanto para as corujas, como para a admistração. Investir, por exemplo, em educação ambiental e preservação do ecossistema são alternativas viáveis e fundamentais para conscientizar as pessoas.

Leia a notícia sobre as corujas.

Beija-flor jovem. Foto: Carolina Castro, RO.

Pica-pau-do campo. Foto: Carolina Castro, RO.

Anu-branco. Foto: Carolina Castro, RO.

Read Full Post »

Quer sair da rotina na festa de Ano Novo? Elaborar um cardápio saudável e nutritivo? Ainda dá tempo. O calor dos trópicos impede o exagero gastronômico. Pensando nisso, apresentamos sugestões para a última refeição de 2009. A nutricionista e professora da PUCRS, Luciana Dias de Oliveira SUGERIU UM CARDÁPIO LEVE E ORGÂNICO:

ENTRADA:

Salada (lentilha, tomate cereja e azeitonas)

PRATO PRINCIPAL:

Arroz integral aromático com ervas e torta de sardinha

Frutas

SOBREMESA:

Frozen iogurte (iogurte orgânico batido com frutas e açúcar mascavo)

BEBIDA:

Espumante Orgânico “Da Casa” produzido em Bento Gonçalvez no RS

A nutricionista preparou ainda uma receita fácil, barata e nutritiva.

Veja as fotos da TORTA DE SARDINHA, acompanhe a receita completa e BOAS FESTAS:

INGREDIENTES E MODO DE PREPARO DA TORTA DE SARDINHA

01 colher de óleo para untar a forma

03 batatas médias

01 colher de café de sal

01 talo pequeno de alho poro

02 latas de sardinha

01 colher de sobremesa de manjerona

01 colher de sopa de aipo ou salsão

01 colher de sobremesa de alecrim

02 colheres de sopa de farinha de trigo integral orgânica

01 colher de sopa de fermento

02 ovos

Modo de preparo

Cozinhar as batatas por 15 minutos. Amassar as batatas e misturar todos os ingredientes levando ao forno por 20 minutos.

Servir quente ou gelado.

ESPERAMOS VOCÊS EM 2010 NO CLICRBS!! FELIZ ANO NOVO!!

Read Full Post »

Você é o que você come? Tá se sentindo acima do peso ou com uma barriguinha saliente, querendo começar uma nova dieta? Esse é o momento perfeito para refletir e agir. Hoje é  o Dia Mundial da Alimentação, celebrado durante toda semana no Brasil. A programação é intensa e nós fomos à procura dos orgânicos, para informar nossos leitores com exclusividade.

 

 

Ministério da Agricultura promove degustação de orgânicos no RS

O produto orgânico foi o protagonista do evento realizado na tarde de quarta-feira (14/10/09), na Assembléia Legislativa do RS. O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) promoveu  a divulgação e degustação dos alimentos orgânicos para a população gaúcha. O salão estava lotado de pessoas querendo informações, experimentando os produtos, interagindo com os produtores agrícolas.

A coordenadora estadual da  produção orgânica do Ministério da Agricultura no RS, Ângela Escosteguy, informou que a degustação faz parte das comemorações da Semana Mundial da Alimentação e tem como objetivo ressaltar a importância nutricional, social e ambiental da agricultura ecológica.

O presidente da Assembleia Legislativa do RS, deputado Ivar Pavan (PT), esteve presente no evento, recebeu uma cesta de alimentos orgânicos e nos concedeu uma entrevista (ouça o áudio na íntegra). Ele afirmou que consome orgânicos em casa. Também falou sobre a importância da agricultura familiar, da produção de orgânicos, dos motivos do preço mais elevado dos orgânicos, da falta de divulgação, etc.

Confira a entrevista exclusiva com o presidente

 

A certificação dos produtos orgânicos

O consumidor normalmente tem muitas dúvidas em relação à qualidade e à higienização do processo de produção e de certificação dos produtos orgânicos.

Os produtores de orgânicos presentes no evento da Assembléia Legislativa são cadastrados no Ministério da Agricultura. Segundo Ângela Escosteguy, a certificação da produção orgânica é feita por empresas cadastradas no MAPA e por associações de certificação participativa, organizados pelos produtores.

 

"Agrotóxico é um produto químico que pode  causar algum problema no futuro", Cláudia Wolff.

"Agrotóxico é um produto químico que pode causar algum problema no futuro", Cláudia Wolff.

A bióloga Cláudia Wolff, faz parte da Associação Agroecológica. Ela tem uma propriedade de 5 hectares em Viamão-RS, com criação de galinha caipira, apicultura e hortigranjeiro. Segundo Cláudia, a associação esta filiada a rede ECOVIDA – um sistema participativo de garantia de conformidade – funciona como uma certificação. “Esse sistema, na verdade é melhor, porque todo mundo está mais próximo dos produtores e muito mais presente. São feitas reuniões nas propriedades, todo mundo fiscaliza. Não esperamos vir alguém de fora, uma vez ao ano, e depois que a pessoa vai embora, o produtor pode distribuir veneno. O tempo todo tem alguém para vigiar e controlar e os consumidores também fazem parte disso”, explicou a agricultora.

Quem produz, entende

Os produtores que conversamos foram enfáticos ao falar sobre as vantagens da agricultura orgânica. Os benefícios atingem todos, tanto o agricultor, quanto o consumidor e o meio ambiente.

 

“O que falta é disseminar a agricultura orgânica no país e no RS. Organizar pontos de venda destes produtos. Temos que ter onde comercializar. Quanto mais nós produzirmos, mais barato ficará para o consumidor”.

“O que falta é disseminar a agricultura orgânica no país e no RS. Organizar pontos de venda destes produtos. Temos que ter onde comercializar. Quanto mais nós produzirmos, mais barato ficará para o consumidor”, Edson Cadore.

O produtor agrícola Edson Cadore, membro da Cooperativa dos Assentamentos da Reforma Agrária que produz hortaliças, café, arroz, entre outros, nas cidades de Tapes, Charqueadas, Eldorado do Sul, Nova Santa Rita e Viamão, busca constantemente conscientizar a população e provar que a agricultura orgânica também é viável economicamente. “A nossa produção é baseada na eliminação de todos os ativos sintéticos, químicos e agrotóxicos. Não trabalhamos com sementes transgênicas. Devido a questões ambientais, sociais e culturais a cooperativa mudou o processo de trabalho. Antigamente havia muita contaminação dos agricultores com agrotóxicos. Estes fatos levaram a conscientização dos produtores que se motivaram a alterar o modelo de produção e partir para a produção orgânica. A idéia era levar produtos para consumo externo com qualidade e sem veneno”.

Com a palavra, o consumidor

 

"O preço é maior, mas quem quiser consumir paga pela qualidade”, Enni Figueiredo.

"O preço é maior, mas quem quiser consumir paga pela qualidade”, Enni Figueiredo.

Os consumidores resistentes ou àqueles que experimentam ocasionalmente orgânicos também estavam presentes. A curiosidade em torno do assunto é grande e o evento foi uma oportunidade para tirar as dúvidas recorrentes.

A jornalista e apresentadora Enni Figueiredo disse que frequenta aos sábados a feira ecológica no parque da redenção em Porto Alegre e come de vez em quando orgânicos. “Faz bem para saúde, mas sempre procuro saber a procedência. Já aconteceu de comprar o alimento e no mesmo dia estragar e também fico preocupada em relação à higiene. O preço é maior, mas quem quiser consumir paga pela qualidade”.

O produtor agrícola Edson Cadore também comentou sobre os valores elevados dos produtos orgânicos. Ele informou que os produtos da Cooperativa custam 40% a mais que os produtos convencionais. “O que falta é disseminar a agricultura no país e no RS para organizar pontos de venda destes produtos. Temos que ter onde comercializar. Quanto mais nós produzirmos mais barato ficará para o consumidor”, ressaltou.

 

Bastidores do Rota Orgânica – Nossa cobaia entrou em ação

Nossa querida cobaia Jessica (também produtora do site e totalmente perdida no mundo orgânico) experimentou, pela primeira vez na vida, produtos orgânicos. Não poderíamos deixar de compartilhar esse momento histórico com os leitores. Ela provou, durante o evento, suquinho de tangerina e laranja, comeu banana seca orgânica e biscoitinhos integrais (aaa taaa). Tudo isso a favor do blog, com o objetivo de demonstrar que todos podem e devem experimentar. Parabéns Jessica, você agora é uma delicinha orgânica.

Antes e depois da Jessica:

jessica antes e depois montagem

E para finalizar este post com chave de ouro, criamos uma promoção para presentear nossos leitores.

O vencedor levará uma super bolsa ecológica, abastecida de alimentos orgânicos.

Envie suas receitas para o nosso e-mail: rotaorganica@hotmail.com

Boa Sorte!!!!!

 

Confira os detalhes no slide abaixo:

 

 

 

Read Full Post »